Foto: Wilder

10 oportunidades para descobrir as espécies que vivem entre-marés

A não perder

Nas praias, as zonas entre-marés abrigam muitos seres vivos, desde algas e ouriços-do-mar a peixinhos, camarões e estrelas-do-mar. A Wilder selecionou para si 10 grandes oportunidades para descobrir estes pequenos mundos como um naturalista, de entre as centenas de actividades do Ciência Viva no Verão 2016.

 

Mas é melhor apressar-se porque, para quase todas estas acções, é obrigatório inscrever-se.

 

Biologia e ecologia da zona entre-marés:

Nesta visita ao litoral da Praia da Aguda poderá fazer um percurso na zona intertidal e observar a biodiversidade desta zona de transição entre a terra e o mar. Vai ainda saber mais sobre a pesca artesanal, visitar as dunas e conhecer a importância da sua fauna e flora e visitar o Museu das Pescas e o Aquário da Estação Litoral da Aguda.

Data: 20 de Julho, com início às 09h00

Ponto de encontro: Estação Litoral da Aguda (Rua Alfredo Dias, Praia da Aguda, Arcozelo, Vila Nova de Gaia)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 02h30

Organização: Planetário do Porto (Centro Ciência Viva) e ELA – Estação Litoral da Aguda

Nota: esta acção tem quatro datas.

 

Uma viagem entre-marés:

Venha conhecer a zona entre marés e as principais dificuldades e adaptações dos seres vivos que aí vivem. Descubra o que são as “sanguessugas marinhas”, aprenda como se move uma estrela-do-mar e outras curiosidades das poças de maré.

Data: 2 de Agosto, com início às 09h00

Ponto de encontro: Praia do Turismo, Marginal Atlântica (Encontro da Avenida Sacadura Cabral com a Avenida do Brasil, Vila do Conde, Porto)

Idade mínima: 5 anos

Duração prevista: 01h30

Organização: Planetário do Porto (Centro Ciência Viva) e Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental

 

A Praia de Caxinas (com) Vida:

Visite a zona do intertidal e observe e manuseie os seres vivos que ali vivem para aprender as suas características biológicas e identificar as espécies com base na sua morfologia. Saiba ainda por que estas zonas são frágeis e qual a importância da sua conservação.

Data: 2 de Agosto, com início às 09h10

Ponto de encontro: Mercado de Caxinas, junto à Praia do Cruzeiro (Caxinas, Vila do Conde, Porto)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 02h00

Organização: Centro Ciência Viva de Vila do Conde

Nota: esta acção tem duas datas.

 

A Praia de Vila Chã (com) Vida:

Visite a zona do intertidal e observe e manuseie os seres vivos que ali vivem para aprender as suas características biológicas e identificar as espécies com base na sua morfologia. Saiba ainda por que estas zonas são frágeis e qual a importância da sua conservação.

Data: 4 de Agosto, com início às 10h15

Ponto de encontro: Praia Nova em Vila Chã (Vila Chã, Vila do Conde, Porto)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 01h30

Organização: Centro Ciência Viva de Vila do Conde

Nota: esta acção tem duas datas.

 

Às voltas na praia!:

Descubra a biodiversidade das plataformas rochosas da Praia da Tamargueira (Buarcos), especialmente as comunidades biológicas intertidais como as macroalgas e os macroinvertebrados. Saiba mais sobre este ecossistema e as pressões que o afectam.

Data: 21 de Julho, a partir das 09h30

Ponto de encontro: Em frente ao Hotel Tamargueira, junto ao LIDL (Buarcos, Figueira da Foz, Coimbra)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 02h00

Organização: Centro Ciência Viva de Coimbra – Exploratório Infante D. Henrique

Nota: esta actividade tem quatro datas

 

A vida na zona das marés:

Descubra como viver entre as marés num praia rochosa pode ser stressante. Todos os dias, os seres vivos que aí habitam são sujeitos a imersão e emersão, além de sofrerem directamente o embate das ondas. Apesar disso, nestes locais, a biodiversidade é grande.

Data: 21 de Julho, a partir das 09h30

Ponto de encontro: Praia de São Pedro do Estoril, junto ao parque de estacionamento, perto da rotunda da BP (São Pedro do Estoril, Cascais)

Idade mínima: 5 anos

Duração prevista: 03h30

Organização: Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva e MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente

Nota: Esta actividade tem cinco datas.

 

Património natural da Costa da Caparica:

Durante um percurso que acompanha a frente de praias poderá visitar o espaço intertidal para observar a fauna que ali vive e ainda visitar o Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental. Aqui poderá ver um aquário virtual e ainda uma exposição sobre lixo marinho.

Data: 21 de Julho, a partir das 09h00

Ponto de encontro: Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental da Costa da Caparica, na Rua Catarina Eufémia (Costa da Caparica, Setúbal)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 04h00

Organização: Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva e Município de Almada

Nota: esta actividade tem três datas

 

Salta-pocinhas – o que acontece quando a maré baixa?:

Passe uma manhã de Verão diferente em família e descubra os seres vivos que vivem e crescem na Ria Formosa, perto ou debaixo de água, na praia junto ao pontão do Forte do Rato.

Data: 21 de Julho, a partir das 09h00

Ponto de encontro: Pontão junto à praia do Forte do Rato (Tavira, Faro)

Idade mínima: 4 anos

Duração prevista: 02h00

Organização: Centro Ciência Viva de Tavira

Nota: esta actividade tem três datas

 

Entre marés. Parecem monstros saídos da ficção científica mas… vivem aqui ao lado:

Descubra a vida que se esconde no fundo da Ria Formosa. Poderá observar e recolher espécies de fauna e flora que vivem na zona lodosa que fica a descoberto quando a maré baixa e ainda identificar essas espécies com lupas e guias de identificação.

Data: 21 de Julho, a partir das 10h00

Ponto de encontro: Portaria do Centro de Educação Ambiental de Marim (Olhão, Faro)

Idade mínima: 6 anos

Duração prevista: 01h30

Organização: Centro Ciência Viva do Algarve e Parque Natural da Ria Formosa

Nota: esta actividade tem três datas

 

À descoberta da vida entre-marés:

Descubra a biodiversidade nas poças de maré com esta saída no período de maré vazia para identificar os organismos que nela vivem.

Data: 19 de Agosto, a partir das 09h30

Ponto de encontro: Praia do Barranco das Canas (Praia do Alemão, Portimão, Faro)

Idade mínima: 4 anos

Duração prevista: 02h30

Organização: Centro Ciência Viva de Lagos

Nota: esta actividade tem duas datas

 

Saiba mais.

Conheça aqui todas as actividades previstas para o Ciência Viva no Verão 2016. Nos próximos dias, a Wilder fará várias sugestões, desde as melhores oportunidades para as aves à natureza nocturna, passando pela Botânica e pelas abelhas, libélulas e borboletas.