Sete livros que chegam com a Primavera

A não perder

Celebramos a Primavera com uma selecção de livros que chegam às prateleiras em Março e Abril. Para se inspirar e para não perder as novidades no mundo da literatura de natureza.

 

lobo

MALDITOS. HISTÓRIAS DE HOMENS E DE LOBOS

Por Ricardo J. Rodrigues

Fundação Francisco Manuel dos Santos

Data de publicação: Março de 2015

Preço: 3,5 euros

O jornalista Ricardo J. Rodrigues anda há dez anos atrás dos lobos. Em 2006 publicou “Bitcho Bravo. A década dos lobos transmontanos” (pela Dom Quixote). Agora, quase dez anos depois, regressa ao território do lobo-ibérico para nos contar quatro histórias de não ficção.

A guerra entre dois perdedores em decadência – o lobo-ibérico e os homens de um mundo rural a desaparecer – é o fio narrativo que conduz o leitor pelas 70 páginas de uma obra que o autor diz ter gostado muito de escrever. As pessoas e os animais do livro, que vivem em micro-histórias, são reais e simbolizam séculos de uma relação difícil mas apaixonada. E ajudam quem vive longe dos lobos a compreender que esta questão diz respeito a todos e o que está em jogo dos dois lados da barricada.

(A Wilder falou com o autor Ricardo J. Rodrigues. Leia aqui a entrevista)

 

landmarks

 

LANDMARKS

Por Robert Macfarlane

Hamish Hamilton

Data de publicação: 5 de Março de 2015

Preço: 20 libras

Robert Macfarlane é um nome incontornável no mundo da literatura de natureza, com quatro obras publicadas. Este autor britânico de 38 anos escreveu o seu primeiro livro em 2003, “Mountains of the Mind”, e desde então as expectativas têm sido altas. Em 2007 publicou “Wild Places” e “The Old Ways” surgiu em 2012.

Em Março deste ano traz-nos “Landmarks”, um livro sobre o poder da linguagem e das palavras para moldar o nosso sentido de pertença a um lugar, a uma paisagem. Homenageando os maiores autores ingleses que escreveram sobre natureza, este é um guia e um glossário com centenas de palavras utilizadas em Inglaterra, Escócia, Irlanda e País da Gales para descrever a terra, a natureza, o clima. Muitas já estão a desaparecer, outras estão a ser inventadas por quem vive no campo. Macfarlane quer mostrar que a linguagem pode ser uma forma de conhecermos a paisagem e de aprendermos a gostar dela.

 

 

birds

TALES OF REMARKABLE BIRDS

Por Dominic Couzens

Bloomsbury

Data de publicação: 12 de Março de 2015

Preço: 18 libras (preço online)

O ornitólogo britânico Dominic Couzens dividiu o mundo por continentes e seleccionou histórias extraordinárias para ilustrar a grande diversidade de comportamentos no mundo das aves, fazendo-as acompanhar por 120 fotografias a cores.

Cada continente tem cinco ou seis histórias e cada uma delas desvenda verdades e analisa mitos sobre as espécies, algumas com comportamentos aparentemente inexplicáveis. Por exemplo, que ave é tão grande, forte e feroz que alimenta histórias sobre a sua capacidade para matar seres humanos? O que acontece num “divórcio” entre albatrozes? Será que existem aves que oferecem flores como forma de atrair as fêmeas?

O autor, que é guia de observação de aves desde 1988, já publicou mais de 30 livros sobre o mundo natural, especialmente sobre ornitologia.

 

 

insectos

LES INSECTES – HISTOIRES REMARQUABLES

Por Vincent Albouy e François Desbordes (ilustrações)

Delachaux et niestlé

Data de publicação: 9 de Abril de 2015

Preço: 17,90 euros

O entomólogo francês Vincent Albouy conta neste livro 30 histórias extraordinárias sobre insectos, ilustradas por François Desbordes. Cada história representa um grupo específico e revela aspectos da vida daqueles animais que, de alguma forma, são pouco comuns.

Alguns são mais conhecidos que outros, como por exemplo a Borboleta-monarca, famosa pelas suas longas migrações, e os pirilampos. Entre os outros casos aqui contados, com uma escrita que não esconde a curiosidade e o fascínio pela natureza, estão os insectos que vivem apenas algumas horas e aqueles que são utilizados pela Medicina.

Albouy é presidente do OPIE (Office pour les insectes et leur environment) e foi o fundador da Ponema, a associação para o desenvolvimento dos jardins silvestres ou naturais. Quanto a Desbordes, é considerado um dos maiores ilustradores naturalistas franceses da actualidade.

 

 

plantas

 

LA INVENCION DEL REINO VEGETAL

Por Aina Serra Erice e Jose Antonio Marina

Ariel

Data de publicação: 7 de Abril de 2015

Preço: 21,75 euros

Este é o primeiro livro de Aina Serra Erice, bióloga espanhola dedicada às plantas. “La invencion del reino vegetal. Historias sobre plantas y la inteligencia humana” é o resultado de uma cooperação entre Erice e o filósofo Jose Antonio Marina e demorou cinco anos a escrever.

A obra surge agora como um ensaio sobre as plantas e a sua presença na arte e na cultura, desde os clássicos à actualidade. Fala da relação do ser humano com o mundo vegetal e desvenda mistérios da História, compara diferentes civilizações e deslumbra com dados científicos, para salientar as maravilhas da natureza.

 

melissa

 

AT HAWTHORN TIME

Por Melissa Harrison

Bloomsbury

Data de publicação: 23 de Abril de 2015

Preço: 15,29 libras (preço online)

Melissa Harrison, autora que se estreou com o livro “Clay”, de 2013 – e com o qual venceu o prémio Portsmouth First Fiction Award – publica agora esta história sobre as diferenças entre o mundo urbano e o mundo rural.

Tudo se passa na vila de Lodeshill para onde Howard e Kitty vão morar, depois de abandonarem a sua vida em Londres. A natureza serve de palco onde se vão desfiando conflitos interiores de quem tem de se adaptar a um novo lugar e de quem deseja por tudo encontrá-lo. As personagens de Harrison – colunista de jornais como o “The Times”, “Weekend FT” e “The Guardian” – lutam para encontrar o sítio aonde pertencer num meio rural moderno, numa saga de amor, de perda e de terra.

 

 

coastlinesOK

 

COASTLINES. THE STORY OF OUR SHORE

Por Patrick Barkham

Granta Books

Data de publicação: 2 de Abril de 2015

Preço: 20 libras

Contada através de uma série de caminhadas junto ao mar, esta é a história de cerca de 1200 quilómetros de costa de Inglaterra, País de Gales e Irlanda do Norte. Mas principalmente, é a história de como um povo foi moldado pela proximidade do mar. Patrick Barkham traz-nos as suas rochas, plantas e animais, as suas paisagens, percursos, História e as pessoas que vivem frente ao oceano.

À medida que viaja através de caminhos costeiros, que visita praias e explora grutas, Barkham reflecte sobre a campanha para proteger o litoral da erosão e da pressão humana. Na verdade, o livro é publicado para coincidir com o 50º aniversário da campanha da organização National Trust para salvar a costa britânica.

Barkham escreve sobre História para o jornal “The Guardian” e já publicou os livros “The Butterfly Isles” (2011), sobre as borboletas de Inglaterra, e “Badgerlands” (2013), dedicado ao texugo, um dos animais mais enigmáticos daquele país.