Foto: Diego Delso/Wiki Commons

Parque Marinho da Arrábida vence Prémio Natura Mare 2016

Conservação

O Parque Marinho Professor Luiz Saldanha, criado há 18 anos para proteger mais de 1.500 espécies de plantas e animais, foi distinguido hoje com o Prémio Natura Mare 2016, por ser um “caso de sucesso” na protecção da vida marinha.

 

O júri reconheceu o parque marinho como um “exemplo de excelência em termos de conservação e gestão de uma área marinha protegida”, segundo um comunicado da consultora PwC Portugal (membro da PricewaterhouseCoopers International Limited), entidade que organizou este galardão.

Com os seus 52 quilómetros quadrados, o parque marinho trabalha para proteger “este local privilegiado para o nascimento, crescimento e refúgio de juvenis de muitas espécies de peixes”, acrescenta. Para isso, aposta na monitorização e controlo do esforço de pesca e no ordenamento das actividades de recreio.

“Sem perdas significativas na rentabilidade da pesca e com uma procura cada vez maior de visitantes enquadrados em modalidades sustentáveis de turismo de natureza, este projecto pioneiro é uma aposta ganha na região e no país”, acrescenta o júri, presidido por Miguel Marques.

O Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) congratulou o reconhecimento dado à “estratégia activa de conservação e desenvolvimento equilibrado de uma região ímpar” e agradeceu o apoio de todas as entidades “que têm contribuído para a sua implementação, monitorização e acompanhamento”.

O Natura Mare foi apenas um de sete galardões anunciados hoje, no âmbito dos Prémios Excellens Mare, organizados pela consultora PwC Portugal para reconhecer a excelência e o mérito das actividades do mar. O Valoris Mare foi atribuído ao MAR – Registo Internacional de Navios da Madeira, o Identitas Mare coube ao Museu do Mar Rei D. Carlos (Cascais), Navigare Mare à APMSHM – Associação Pró-Maior Segurança dos Homens do Mar, o Athletice Mare a Garrett McNamara e o Scientia Mare ao CCMAR – Centro de Ciências do Mar do Algarve. Por fim, o Excellens Mare foi atribuído a António José Correia, presidente da Câmara Municipal de Peniche.

Os prémios serão entregues numa cerimónia a 30 de Abril na Figueira da Foz.

 

Conheça o Parque Marinho Professor Luiz Saldanha.

Localizado ao longo da costa Sul da Península de Setúbal, entre a Serra da Arrábida e o Cabo Espichel.

Cerca de 52 quilómetros quadrados de extensão.

Criado em 1998, como parte integrante do Parque Natural da Arrábida.

O seu nome é dedicado a Luiz Saldanha, biólogo que estudou aquela zona costeira.

Um dos grandes projectos de conservação a decorrer no parque marinho é a recuperação das pradarias de ervas marinhas, dos quais dependem espécies como os cavalos-marinhos, choco, raia, linguado e santola.