Árvores de Natal dos palácios de Sintra serão plantadas no Parque da Pena

14 de Dezembro de 2015

No final da sua função decorativa natalícia, os abetos que decoram desde 1 de Dezembro os palácios e jardins de Sintra serão plantados no Parque da Pena para recuperar o bosque fustigado pelo mau tempo, segundo a empresa Parques de Sintra.

 

As árvores de Natal colocadas no Palácio de Monserrate (Sala da Música), na Quintinha de Monserrate, no Palácio Nacional da Pena (Páteo do Tritão, restaurante e loja da entrada principal do Parque), no Palácio Nacional de Sintra (loja) e no Palácio Nacional de Queluz (loja) são naturais. Mais concretamente são abetos-do-Cáucaso (Abies normandiana).

A partir de 6 de Janeiro, terminada a quadra festiva, estas árvores serão plantadas no Parque da Pena, “contribuindo para a recuperação do coberto arbóreo”, explica a Parques de Sintra, em comunicado.

O mau tempo registado desde 2013 causou a queda de mais de 3500 árvores adultas naquele parque, situado na serra de Sintra, nas áreas envolventes ao Palácio da Pena.