Cerca de 30 pinguins-de-Magalhães devolvidos ao mar no Brasil

15 de Setembro de 2015

Há três meses, 29 pinguins-de-Magalhães, vindos da Patagónia Argentina, deram à costa do litoral brasileiro durante a sua migração. Depois de recuperarem foram libertados nesta segunda-feira.

 

Os pinguins-de-Magalhães (Spheniscus magellanicus) foram encontrados nas praias do Espírito Santo, Bahia e Rio de Janeiro durante o período de migração, quando sobem a costa do Atlântico à procura de alimento, segundo o jornal “O Globo”.

“Eles chegaram muito debilitados, com a temperatura baixa e muito magros”, explicou ao jornal a bióloga Renata Beringue, do Centro de Reabilitação de Animais Marinhos no município de Cariacica, Grande Vitória. “Aqui eles passaram por um processo de reabilitação” e recuperaram o peso e a capacidade de impermeabilizar as penas.

Os 29 pinguins foram devolvidos ao mar a cerca de 20 quilómetros das praias de Anchieta (município do estado de Espírito Santo) por uma equipa do Instituto de Pesquisa e Reabilitação de Animais Marinhos (Ipram) e do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema).