Dois homem detidos em Bragança por captura ilegal de aves

6 de Agosto de 2015

O Núcleo de Protecção Ambiental da GNR de Bragança deteve, em flagrante delito, dois homens suspeitos de captura ilegal de aves, foi revelado a 3 de Agosto.

 

Os indivíduos foram surpreendidos a caçarem pintassilgos (Carduelis carduelis) e pintarroxos (Carduelis cannabina) com armadilhas.

Os militares apreenderam uma gaiola com 15 pintassilgos e três pintarroxos e todos os artefactos usados na prática do crime.

Os detidos estão a ser presentes a tribunal, pelo que aguardam decisão.

Em Portugal a captura de aves silvestres, não cinegéticas, para cativeiro ou consumo é uma prática ilegal.  Pintassilgos, tentilhões e pintarroxos são dos passeriformes mais vendidos na Internet como animais domésticos e também são dos que mais vão parar aos menus dos restaurantes, segundo informações de um estudo de 2014 feito pela Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (Spea).

Há vários meses que sete organizações não governamentais de Ambiente têm a decorrer a campanha “Diga não aos passarinhos na gaiola e no prato”. Pode ver aqui como ajudar.