Nova Zelândia anuncia criação de um dos maiores santuários marinhos do mundo

29 de Setembro de 2015

O primeiro-ministro neo-zelandês aproveitou a oportunidade e anunciou nesta terça-feira, na Assembleia Geral das Nações Unidas, a criação do santuário marinho Kermadec, com 620 mil quilómetros quadrados. Este será um dos maiores do mundo.

 

O santuário fica no Oceano Pacífico, a cerca de mil quilómetros da Nova Zelândia, e vem aumentar a área de uma zona já protegida em redor das ilhas Kermadec.

“O santuário marinho Kermadec será uma das maiores áreas protegidas do mundo, preservando habitats importantes para milhões de aves marinhas, baleias, golfinhos, tartarugas marinhas e milhares de espécies de peixes”, disse John Key no seu discurso, na Assembleia-Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque. Este ano, o tema central é o desenvolvimento sustentável.

A reserva natural vai abranger 15% da Zona Económica Exclusiva da Nova Zelândia, uma área duas vezes maior do que a área terrestre do país e 50 vezes maior do que o maior parque nacional neozelandês, em Fiordland.

Agora, o santuário será uma área onde a pesca e a exploração mineira ficam completamente proibidas.

Saiba mais sobre o santuário marinho Kermadec aqui.