Lançada nova aplicação para dispositivos móveis sobre flora silvestre espanhola

Uma nova aplicação para dispositivos móveis que permite a quem está no campo saber mais sobre as plantas que está a ver foi lançada nesta terça-feira, no âmbito do projecto Anthos, a ser desenvolvido no Real Jardim Botânico de Madrid. Esta iniciativa permite aceder a dois milhões de dados sobre a flora silvestre de Espanha.

 

Quem descarregar a aplicação, de forma gratuita, poderá aceder, no campo, a informação sobre a planta silvestre que está a observar, aos seus mapas de distribuição, a fotografias que lhe permitam confirmar a identificação da espécie e ainda se esta está em perigo de extinção ou protegida.

A aplicação, para dispositivos móveis com sistema Android, permite o acesso às bases de dados sobre a biodiversidade da flora vascular espanhola, no âmbito do projecto Anthos – Sistema de Informação das Plantas de Espanha. Este foi criado há 15, com o apoio da Fundação Biodiversidad do Ministério da Agricultura, Alimentação e Ambiente para disponibilizar através da Internet o conhecimento sobre as espécies de plantas. O projecto é desenvolvido no Real Jardim Botânico e nas universidade de Córdova, Salamanca e Sevilha.

Agora, o projecto passa a estar disponível também nos dispositivos móveis. O grande objectivo é chegar a um público o mais amplo possível. “A ideia é levar a potência das bases do Anthos para o campo, a fim de oferecer um melhor serviço a todos os interessados em conhecer a flora silvestre espanhola”, explica, em comunicado, Carlos Aedo, director do projecto e investigador do Real Jardim Botânico.