Fotografias de morcegos, esquilos-vermelhos, texugos, aranhas, bosques e paisagens marinhas estão entre os vencedores da 10ª edição dos British Wildlife Photography Awards, conhecidos ontem.

 

Estes prémios foram criados para celebrar a vida selvagem do Reino Unido, através de fotografias inspiradoras; para incentivar a conservação, descoberta e apreciação do património natural; para promover as espécies, habitats e biodiversidade britânicas e para reconhecer o talento dos fotógrafos daquele país.

Há 17 categorias a concurso, desde comportamento animal, vida selvagem urbana, habitat e retratos de animais à vida marinha ou ainda em vídeo HD. Duas categorias são dedicadas aos mais novos, para os encorajar a aproximarem-se da natureza através da fotografia.

As fotografias vencedoras serão publicadas em livro e estarão em digressão pelo país.

 

Grande vencedor: Paul Colley, com a fotografia “Contrails at Dawn”

 

A fotografia, captada em Coate Water Country Park (Wiltshire), revela as rotas de voo e o bater das asas dos morcegos-de-água (Myotis daubentonii). Este pequeno morcego, que também ocorre em Portugal continental, alimenta-se quase exclusivamente de insectos pousados ou a sobrevoar zonas com águas calmas.

“Nenhuma outra imagem no meu portfolio foi tão difícil de conseguir”, comentou Paul Colley, em comunicado. “O meu desejo artístico era captar a extraordinária velocidade deste pequeno morcego e as suas rotas de voo, mas o caminho para o sucesso encheu-se de fracassos”, acrescentou. O fotógrafo agradeceu aos colegas fotógrafos que o encorajaram, especialmente durante os “meses de longas, frias e extenuantes sessões desde o amanhecer ao entardecer, várias vezes com água pela cintura e sem conseguir uma única imagem que pudesse usar”.

 

Comportamento animal: Sunil Gopalan, com a fotografia “Life and death at the edge of the world”

Fair Isle, Shetland

 

Retratos de animais: Tesni Ward, com a fotografia “Bean (Badger)

Parque Nacional Peak District, Derbyshire

 

Vida selvagem urbana: Christopher Swan, com a fotografia “Magpie in the snow”

Kelvingrove Park, Glasgow

 

Florestas selvagens: James Roddie, com a fotografia “Seasonal Overlap”

 

Habitat: Andrew Parkinson, com a fotografia “Spectacular Isolation”