Livros para crianças: A história da abelha Juju, nascida no Alentejo

Ilustração: João Mascarenhas

Maria João Horta Parreira pôs mãos à obra e escreveu este livro sobre as aventuras de uma abelha alegre e muito curiosa, natural da vila de Mértola. As ilustrações são de João Mascarenhas.

Era uma vez uma abelha, nascida numa colmeia na vila alentejana de Mértola, que num passeio encontrou umas plantas que nunca tinha visto: uns cactos com umas flores muito belas. A Juju descobre então que vai realizar-se um encontro com todos os animais da zona, relacionado com essas plantas, que será o primeiro passo para muitos desafios e aventuras…

É assim que começa “A Aventura da Abelha Juju num Pomar de Cactos”, um livro escrito por Maria João Horta Parreira e ilustrado por João Mascarenhas, que também envolve outras personagens simpáticas. Por exemplo, o coelho Sabichão, a lesma Ranhotas e a borboleta Arco-Íris.

Ilustração: João Mascarenhas

Para que a história termine com um final feliz, “a amizade e a cooperação serão muito importantes para superar todas as dificuldades, além da lição do coelho Sabichão sobre o conhecimento – cita Maria João Horta Parreira – ‘Convém ir atualizando, Nunca se sabe tudo de uma só vez, É como ir pedalando, Com graça e fluidez!'”

A história foi escrita especificamente para crianças entre os seis e os dez anos, mas na verdade destina-se “a todas as crianças, mesmo aquelas que crescem e se tornam adultos”, indicou à Wilder esta engenheira agrónoma com um mestrado em Comunicação de Ciência, que recentemente esteve envolvida em dois projectos de investigação no Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária.

“Este livro tem como personagem principal uma abelha e a sua colmeia, além de toda a componente envolvente, em especial um pomar de cactos como fonte alternativa de néctar e pólen”, desvenda. Quanto à eleição da vila-museu alentejana de Mértola como cenário da história – explica Maria João – “na verdade diz-me muito, pois as minhas raízes estão nessa zona, em especial na Mina de São Domingos, onde desde miúda passei verões e me encantei pelo modo de vida rural”.

Ilustração: João Mascarenhas

Ao longo das páginas desta obra ilustrada, cruzam-se temas como “a vida das abelhas e a sua organização e capacidade de adaptação, apesar de todos os desafios cada vez mais complexos a que estão sujeitas”. Outro tema central são “as espécies exóticas, a par do seu potencial invasor”, e a lição do coelho Sabichão sobre o conhecimento “resume o principal ‘insight’ desta história”.

“A razão que me levou a escrever esta história, com estes temas centrais, tem a ver com a minha experiência académica e profissional e com a necessidade que sinto de partilhar questões que considero pertinentes”, nota a autora. “Mais do que respostas prontas, este livro procura estimular o espírito crítico, com responsabilidade e criatividade não só a nível individual mas principalmente a nível colectivo, de um modo cooperativo como as abelhas tão bem exemplificam.”

Ilustração: João Mascarenhas

Já o processo de ilustração da história “foi simplesmente fantástico”, recorda a escritora. Apesar de ter sido esta a primeira vez que trabalhou com João Mascarenhas, houve “uma sincronicidade incrível.” “Tentámos que as ilustrações fossem o menos antropomórficas possíveis, se bem que a imaginação foi o leme. Em relação às cores procurámos os tons mate e ocres, o mais próximo do natural”, descreve Maria João Horta Parreira. O ilustrador “preocupou-se com o rigor científico”, tentando “conciliar o mesmo com a criatividade típica de um conto para crianças”.

Quanto ao futuro, depois deste primeiro livro publicado, a ideia é prosseguir com novas histórias: “Dar seguimento às aventuras da abelha Juju em diferentes contextos territoriais, sempre com desafios para superar e alertas para diferentes e possíveis cenários, com foco nas ciências agrárias e na conservação da natureza e biodiversidade”, remata a autora.

A Aventura da Abelha Juju num Pomar de Cactos

Maria João Horta Parreira (texto) e João Mascarenhas (ilustrações)

Editora Cordel D’Prata

Preço: 14 euros

Pode ser adquirido enviando uma mensagem para o email da autora: mjoaoparreira@gmail.com


Este conto infantil vai ser divulgado com a presença de Maria João Horta Parreira no âmbito do FIC.A – Festival Internacional de Ciência, que irá decorrer de 12 a 17 de Outubro no Palácio e Jardins do Marquês de Pombal, em Oeiras.