Natureza: Cinco livros para ler em Janeiro

Para começar bem o ano, traga um pouco de vida selvagem extra para o seu dia-a-dia com estes livros sobre o mundo natural. 

UMA VIDA NO NOSSO PLANETA: O MEU TESTEMUNHO E A MINHA VISÃO PARA O FUTURO

Por David Attenborough

Editor: Círculo de Leitores

Data de publicação: Novembro de 2020

Preço: 18,80 €

Aos 94 anos, Sir David Attenborough traz-nos um livro na qualidade de legado de uma vida. Nele reflecte sobre os quase 60 anos de trabalho com o mundo natural, as dramáticas alterações ao planeta que testemunhou e o que todos nós podemos fazer para criar um futuro melhor.

Para este naturalista britânico, a verdadeira tragédia do nosso tempo é o declínio em espiral da biodiversidade do nosso planeta.

“Para a vida prosperar neste planeta, tem de existir uma imensa biodiversidade. […] Quanto maior for a biodiversidade, mais segura será toda a vida na Terra, incluindo nós próprios”, escreve David Attenborough. Mas, alerta, “o mundo natural está a desaparecer aos poucos. As provas estão por toda a parte. Aconteceu durante a minha vida. Vi com os meus próprios olhos”.

Contudo, ainda há tempo. “Existe uma boa alternativa. Este livro é a história de como chegámos aqui, do nosso grande erro e de como, se agirmos já, podemos corrigi-lo”.

Recorde aqui a versão para a Netflix, que estreou em Outubro de 2020.

AS PLANTAS E A ALIMENTAÇÃO MUNDIAL

Por José Eduardo Mendes Ferrão

Editora: Fundação Francisco Manuel dos Santos

Data de publicação: Novembro de 2020

Preço: 31,50€

Vindas do Oriente, de África ou das Américas, muitas e várias plantas criaram raízes na nossa identidade colectiva. Este livro é uma viagem por todos esses mundos vegetais, novos e velhos, e um alerta para a necessidade de sabermos gerir os recursos alimentares do planeta de uma forma justa, racional e equilibrada. José Eduardo Mendes Ferrão é professor catedrático jubilado de Agronomia Tropical do Instituto Superior de Agronomia (ISA-UTL) e da docência de pós‑graduação da Universidade Católica Portuguesa.

WHAT TO LOOK FOR IN SPRING

Por Elizabeth Jenner e Natasha Durley

Editora: Ladybird

Data de publicação: 21 de Janeiro de 2021

Preço: 5,99 Libras

A série “What to Look For”, originalmente publicadas no Reino Unido nos anos 1960, marcaram várias gerações de naturalistas. Agora, estão de volta com uma cara nova. Elizabeth Jenner (textos) e Natasha Durley (ilustrações) mostram-nos como é o mundo natural no Reino Unido ao longo do ano. Desde os botões a surgir na Primavera às longas e escuras noites de Inverno, estes livros são uma preciosa introdução às estações do ano para os pequenos leitores naturalistas.

A VULTURE LANDSCAPE: TWELVE MONTHS IN EXTREMADURA

Por: Ian Parsons

Editora: Whittles Publishing

Data da publicação: 14 de Janeiro de 2021

Preço: 21,50€

Este livro é mais do que apenas um livro sobre abutres, da mesma forma que estes animais majestosos são mais do que aves. Os abutres são um elemento crucial de muitos dos ecossistemas do mundo e sem estes eficazes agentes de limpeza do ambiente os ecossistemas não funcionariam bem. Ian Parsons dá-nos um calendário anual das vidas destas aves, guiando-nos para as conhecermos melhor: como vivem, como se reproduzem, como se alimentam e como voam sem esforço nos céus da Extremadura espanhola. Este livro é uma celebração dos abutres e da paisagem onde vivem.

A ASCENSÃO E QUEDA DOS DINOSSAUROS: UMA NOVA HISTÓRIA DE UM MUNDO PERDIDO

Por: Steve Brusatte

Editora: Contraponto Editores

Data de publicação: Outubro de 2020

Preço: 19,90€

Há 65 milhões de anos, os dinossauros extinguiram-se. No entanto, ainda hoje exercem um enorme fascínio sobre nós. 

Steve Brusatte, paleontólogo especializado em biologia evolutiva, é responsável pela identificação de 15 novas espécies de dinossauros. As suas investigações científicas e no terreno deram origem a uma história completa, surpreendente e inovadora dos dinossauros. Recorrendo à ciência e a tecnologia de ponta para dar vida a este mundo perdido, Steve Brusatte lança uma nova luz sobre as suas origens enigmáticas, o seu desenvolvimento espetacular, a espantosa diversidade de espécies, a extinção cataclísmica que sofreram, mas também sobre o seu inquietante legado com que ainda convivemos atualmente. Com prefácio de Octávio Mateus.


Já que está aqui…

Apoie o projecto de jornalismo de natureza da Wilder com o calendário para 2021 dedicado às aves selvagens dos nossos jardins.

Com a ajuda das ilustrações de Marco Nunes Correia, poderá identificar as aves mais comuns nos jardins portugueses. O calendário Wilder de 2021 tem assinalados os dias mais importantes para a natureza e biodiversidade, em Portugal e no mundo. É impresso na vila da Benedita, no centro do país, em papel reciclado.

Marco Nunes Correia é ilustrador científico, especializado no desenho de aves. Tem em mãos dois guias de aves selvagens e é professor de desenho e ilustração.

O calendário pode ser encomendado aqui.